Facebook e WhatsApp terão que compartilhar mensagens com o Reino Unido

Existem dois tipos de pessoas, as que acreditam em privacidade online, e as que acham isso uma piada. Um novo acordo que deve ser assinado até o próximo mês, obrigará empresas de mídia social sediadas nos EUA a compartilhar mensagens criptografadas de usuários com a polícia britânica .

An illustration photo shows a man holding a smart phone with a Facebook logo as its screen wallpaper in front of a WhatsApp messenger logo, in Zenica February 20, 2014. Reuters

O Reino Unido e os EUA concordaram em não usar as informações compartilhadas para investigar os cidadãos um do outro, e como parte do acordo, os EUA não poderão usar as informações obtidas de empresas britânicas em nenhum caso com pena de morte.
As informações compartilhadas serão usadas para apoiar nas investigações sobre indivíduos suspeitos de crimes graves, incluindo terrorismo e pedofilia.

“Nós nos opomos às tentativas do governo de construir backdoors porque eles prejudicariam a privacidade e a segurança de nossos usuários em todos os lugares”, afirmou o Facebook em comunicado.

“Políticas governamentais como o Cloud Act permitem que as empresas forneçam informações disponíveis quando recebemos solicitações legais válidas e não exigimos que as empresas construam portas dos fundos”, acrescentou

Tem sempre um caminho opcional, barreiras só servem para atrasar!

De acordo com site Bloomberg , Priti Patel, secretária do Interior do Reino Unido, já havia avisado que o plano do Facebook de permitir que os usuários enviassem mensagens criptografadas de ponta a ponta beneficiaria criminosos, e pediu às empresas de mídia social que desenvolvam backdoors“portas traseiras” para dar acesso às agências de inteligência em suas plataformas de mensagens.

O que você acha deste assunto? Deixe nos saber nos comentários!